quinta-feira, janeiro 19, 2006

Final

Regresso aos Anjos e Demónios.


Nota: Peço desculpa pelo incómodo.

terça-feira, janeiro 17, 2006

Fala quem sabe

0551
"Portugal recuará um século e meio com a vitória de Cavaco", afirmou Soares, ontem, em Viseu.
Concordo que não há ninguém melhor do que Soares para produzir esta afirmação.
Afinal ele viveu essa época.

A de(organização) da campanha de Mário Soares

0550
Soares, completamente atarantado com o amadorismo da organização, disse que não sabia quem era o seu responsável de campanha.
Eu também não sei quem é, mas acho que só pode ser um cavaquista.

segunda-feira, janeiro 16, 2006

Primeira medida do próximo PR

0549
Se outras razões não houvesse para a realização destas eleições presidênciais (que longo e monumental bocejo tem sido esta campanha oficial) uma existe e é de tal importância que justifica a ida ás urnas:
De hoje a oito dias, o próximo PR deverá tomar como dever patriótico supremo nomear, imediatamente, um novo Procurador Geral da República, acabando dessa forma com o fait divers do enxovalho público em que o MP se tornou pelas mãos do Dr.Souto Moura.

sexta-feira, janeiro 13, 2006

Diário de Viagem pela Europa Central

0546
Desde o início do ano que o Francis anda em excursão pela Europa Central, de Berlim a Salzburgo, passando por Dresden, Bad Shandau, o vale do Vltava, Praga (onde encontrou uma réplica do Benny do FCP e comprou um pé elástico ao desgraçado do Poborsky), Brno, Viena e a Linz, de Mozart.
Vale bem a pena, via blogue, acompanhá-lo na viagem.

Ó Doutor Souto Moura: Demita-se, porra!

0545
O 24 Horas noticia hoje em manchete , e só li a manchete, que os telefones privados dos mais altos representantes políticos e judiciais da pátria, íncluindo o do próprio Procurador-Geral, estiveram sob escuta no âmbito do processo Casa Pia sem que qualquer razão, aparente ou objectiva, os ligasse ao processo da pedofilia.
Já na TSF ouvi o Procurador-Geral acabado de sair de uma audiência em Belém, onde foi chamado de urgência por Jorge Sampaio para esclarecer o caso, actuar com toda a autoridade e pulso de ferro contra o despotismo dos homens que "comanda":
"Irei mandar abrir um rigoroso inquérito."
Imagina-se, por esta hora, que os seus homens já estejam a tremer perante esta tomada de força do seu superior.
Que raio será preciso acontecer para Souto Moura se demitir ou ser demitido?!?!?

quinta-feira, janeiro 12, 2006

Pelo menos uma vez na vida têm que lá ir, muitos ficam para sempre

0544
Image hosting by TinyPic

O pânico começou quando dezenas de milhares de peregrinos se dirigiam para al-Jamarat, em Mina, onde estão três pilares que representam o Diabo que os peregrinos apedrejam num ritual destinado a libertá-los do pecado, no final os números da tragédia registavam mais de 300 mortos.
O mais grave incidente do género ocorreu em 1990, quando morreram 1426 pessoas.
O mais recente registou-se em Fevereiro de 2004, com 224 mortos.

De leitura obrigatória

0543
O Enigma de Sharon, pelo escritor israelita Amos Oz, no DN.

Parece que a coisa vai lá

0542
A SIC anunciou no Jornal da Noite que, em Espanha e fruto das leis proibicionistas, a venda de tabaco caíu 25% na primeira semana do ano em comparação com o período homólogo do ano passado.

O eterno processo de paz

0541

Image hosting by TinyPic

terça-feira, janeiro 10, 2006

Directamente da Praça do Alegre

0539
Um postal extraordinário do tipo que, como mais uma vez se comprova, melhor escreve na blogoesfera lusa.
Que a tinta nunca se lhe acabe na pena.

Temos DN

0538
Praticamente desde o início do ano que não consigo ver telejornais e não tenho tempo para ler jornais.
Hoje, pela primeira vez este ano, comprei o DN que em condições normais é uma das minhas leituras diárias obrigatórias.
O DN é uma referência de cultura e de liberdade de informação que há várias gerações se confunde com a própria história do país.
Página 13 à parte, onde o inenarrável Luís Delgado perora abundantemente sobre os seus próprios méritos de colunista, ao melhor estilo de José António Saraiva, e tenta, em vão, fazer-nos compreender o porquê da actual Direcção ter decidido mantê-lo como articulista do periódico, o jornal está uma maravilha.
Parabéns a toda a Direcção, desde logo, por ter tido as vistas largas de contratar esse génio do design que é Henrique Cayatte que mais uma vez mostra porque é o melhor entre os melhores no métier de tornar clara, acessível e graficamente estimulante a leitura de uma qualquer publicação.
Com Cayatte o pior dos artigos ganha honras de candidato ao Nobel.
Depois porque, percebendo o impacto da blogoesfera, passa, a partir de agora, a conceder-lhe destaque em várias frentes e a vários pretextos.
Hoje, e como abertura das hostilidades, para além de uma chamada de primeira página "Os blogues e a televisão" estiveram em destaque os seguintes estabelecimentos: Abrupto, A Praia, Mar Salgado, Blasfémias, Esplanar e Office Lounging.
Por fim, saliento e registo com agrado o esforço que o jornal por certo terá feito para garantir colunistas, embora o grosso da coluna transite da anterior fórmula, tão interessantes como Joana Amaral Dias, Medeiros Ferreira, Adriano Moreira, Durão Barroso, Luciano Amaral, Mário Bettencourt Resendes, António Vitorino, Ana Sá Lopes, Sarsfield Cabral, António Costa Pinto, Daniel Proença de Carvalho, Nuno Brederote Santos e Rui Machete, entre outros.
Todos nós que gostamos do DN agradecemos.

Agora é que está uma beleza

0537

O tasco estava completamente ilegível.
Confuso, colorido, sem leitura, eu próprio, nos últimos dias, não tinha vontade de cá vir.
Tão pouco de escrever uma linha que fosse.
O tasco envergonhava-me.
Habilitava-me a ser o Zé Cabra dos blogues.
Quero publicamente ilibar o meu Manager já que a ideia megalómana de um blogue a três colunas partiu da mente insana deste vosso criado.
Aliás, diga-se, muito antes de também ter passado, de forma absolutamente tresloucada, pela cabeça da malta Acidental.
Mea culpa.
Agora é que isto está uma beleza e os posts seguirão o seu rumo normal.

domingo, janeiro 08, 2006

Agora que começou o período oficial de Campanha Eleitoral

0536

Nunca é demais recordar o momento mais alto da pré-campanha.
Aqui.

sexta-feira, janeiro 06, 2006

Ajuste de contas

0535


Que seja então no Eleven!

A melhor anedota de sempre sobre loiras

0534

É de rir até não poder mais.

Camisola Amarela

0533
Este é o primeiro post d` A Cidade de Deus.
Aparece com o número de série 533 por tratar-se de uma continuação do blogue Anjos e Demónios.
Agradeço ao Pedro Guedes a sua amizade.
Com tempo e vagar irei transportando para este estabelecimento os 532 posts que escrevi no Anjos e Demónios.

quinta-feira, janeiro 05, 2006

Raramente a vida, ou a morte, de alguém terá valido tanto

(0530)

sharon_disengagement_1.jpg

segunda-feira, janeiro 02, 2006

Também tu, Constança?

(0526)

Constança Cunha e Sá que deu uma lição de profissionalismo nos recentes debates das Presidenciais, e há muito nos esmaga com o seu virtuosismo nas páginas da imprensa generalista, atende agora na Minha Rica Casinha.
Mais um direitinho para a Superliga.